Twitter Facebook

CUT CONTICOM > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUE CENTRAL > SINDICATO SUL FLUMINENSE FECHA CONVENÇÃO COLETIVA DA MONTAGEM INDUSTRIAL E GARANTE REAJUSTES QUE VARIAM DE 8% A 29% AOS TRABALHADORES DO SETOR

Sindicato Sul Fluminense fecha Convenção Coletiva da Montagem Industrial e garante reajustes que variam de 8% a 29% aos trabalhadores do setor

22/03/2013

O acordo beneficiará os trabalhadores que atuam nas cidades de Volta Redonda, Barra Mansa, Resende, Itatiaia, Quatis, Porto Real e Rio Claro.

Escrito por: Ligia Passos

 

 Mais de oito mil trabalhadores da Montagem Industrial da região já podem comemorar a conquista de reajustes salariais entre 8% a 29%. A Convenção Coletiva de 2013/2014 da categoria, com data base em 1º fevereiro, já foi assinada por representantes da diretoria do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil, Montagem e Construção Pesada do Sul Fluminense e Sindicato das Empresas de Engenharia de Montagem e Manutenção Industrial do Estado do Rio de Janeiro (SINDEMON).

Para quem está acima da tabela salarial, o índice em vigor é de 10% e para aqueles que recebem mais de R$ 5 mil é de 8%. O aumento na cesta básica foi de 25%, mais o reenquadramento de algumas funções para valores superiores são, também, outros ganhos de destaque desta Convenção Coletiva.

Para os trabalhadores enquadrados na tabela salarial os reajustes negociados variam de 10% a 29%. As funções de montador de andaime e auxiliar administrativo, por exemplo, foram reajustadas em 13%. A partir desta Convenção Coletiva essas funções passam da letra A para a letra C, com um piso mensal de R$ 1.353,00.  O mesmo acontece com as funções de soldador MIG e AO que tiveram, também, um aumento de 29%, saltando da letra C para a letra D, com um piso salarial de R$ 1.588,40, fixado nesta nova tabela.

“Já o reajuste do PLR será corrigido em 10% automaticamente. As empresas que quiserem já podem realizar o adiamento de 50%. No entanto, aquelas que não optarem pelo adiamento devem efetuar o pagamento integral até 10 de janeiro de 2014”, informa o presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil, Montagem e Construção Pesada do Sul Fluminense, o Dejair Martins.

Ele explica, ainda, que essa convenção coletiva não beneficia apenas os trabalhadores do setor de empresas de grande porte, mas todos que atuam nas cidades da base territorial do Sindicato – Volta Redonda, Barra Mansa, Resende, Itatiaia, Quatis, Porto Real e Rio Claro. 

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
Tutorial: Saiba como participar da campanha pela anulação da Reforma Trabalhista
Tutorial: Saiba como participar da campanha pela anulação da Reforma Trabalhista

#AnulaReforma

RÁDIO CUT
Saúde e Segurança DIEESE CPN NR 18 Brasil Atual Compromisso Nacional - Aperfeiçoamento das Condições de Trabalho na Indústria da Consturção
NEWSLETTER

Digite seu e-mail para receber nossos informativos


CONTICOM

Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo SP | Telefone (0xx11) 3330-3668 - Fax (0xx11) 3330 3669